Sunday, August 31, 2014

Dia Feliz.

Sunday, August 31, 2014 2
Hoje já não faço anos.
Duro.
Somam-se os dias.
Serei velho quando o for.
Mais nada.
Raiva de não ter trazido o passado roubado na algibeira! ...

O tempo em que festejavam o dia dos meus anos!... 

Alvaro de Campos ( heterônimo de Fernando Pessoa)

Já faz um "bom tempinho" que comemoro meu aniversário, afinal não nasci ontem... rs rs

Hoje confesso que há alguns anos eu quase não comemoro : faltava o  bolo :(  e nem tinha parabéns! buaaaaa  Verdade mesmo. Coisas da idade, do tempo que não nos dá trégua.

Em compensação, desta vez eu (hoje) tive tudo que eu tinha direito: amigos, churrasco, beijos, abraços, telefonemas, mensagens e bolo com direito à parabéns! Vale repetir ano que vem, e no outro, no outro e mais alguns. Deus permita.


Amiga e eu comemoramos nosso niver juntas - ela faz dia 28/8 e eu dia 31/8 - nada melhor do que reunir a família e os amigos e comemorar, não? Muito bom mesmo, estou feliz.

Agora começo um novo ano, e tenho que me preparar para o que se apresentar. A vida é assim, a gente comemora a cada dia, uma nova esperança a cada novo amanhecer.

Estou pronta, continuo. E você ?




Boa semana a todos.

beijos,

Tina
 


Monday, August 25, 2014

Vontade.

Monday, August 25, 2014 4

Não, não posso parar,
Se eu paro eu penso.
E se eu penso,

eu choro. 
( autoria ???)


Não, não posso parar... Van Gogh deve ter pensado assim, mas pelo menos criava, pintava como gênio que sempre foi sem o saber. Meu favorito.

Vontade de parar, de não seguir e nem pensar.

Na verdade? Sem vontade.

Parou o mundo ou parei eu ?

Inferno astral chegando ao fim. Falta pouco. Espero que seja só isso.

Ainda existe vontade dentro de mim, lá  no fundo, existe. Persiste.


Boa semana a todos,

Tina

Monday, August 18, 2014

Música.

Monday, August 18, 2014 4

Não tem nada mais prazeiroso do que ouvir uma boa música, num ambiente tranquilo. Mas - e tem sempre um MAS - vivemos em cidade grande, prédios  e condomínios  nos quais convivemos forçosamente com pessoas que não fazem parte de nossas vidas mas somos obrigados a dividir os gostos (?) Não deveria ser assim, mas é. :(

Isto posto eu pergunto: tem coisa pior do que ser obrigada a escutar "barulho" que você não gosta? Eu disse barulho pois nunca chamaria isso de música, honestamente.  Tem gente que não respeita o ouvido alheio e resolve ligar o "som" do carro  (que deve custar mais do que o carro em si) no volume máximo e literalmente destruir a sua noite e o seu sossego com o "som" ! E aparece de tudo: funk, pagode, sertanejo e outras aberrações que nem merecem ser citadas, muito menos repetidas.

A gente não consegue assistir TV e nem conversar dentro de casa. Apartamento é em andar alto, o "som" chega com toda força! Ninguém merece. E tenta reclamar... vai falar com quem? Meu pai dizia para "falar com o Bispo" que ele resolveria. Acho que vale tentar. rs




Eu gosto muito de música, de boa música - diga-se de passagem - mas jamais imporia meu gosto musical ao próximo. Gosto não se discute, se lamenta.  

Dureza mesmo é ter que escutar no mais alto volume o "gosto" alheio. Inaceitável, mas sem remédio infelizmente.

Está faltando respeito ao próximo nesta cidade. Falta civilidade, e eu digo isso em alto e bom "SOM". Estou errada?

Boa semana a todos.

beijos,

Tina

Monday, August 11, 2014

Flores de Agosto.

Monday, August 11, 2014 1
"Minha fé é no desconhecido, em tudo que não podemos compreender por meio da razão."
Charles Chaplin (1889 - 1977)

Essa citação tem motivo, tenham certeza!  Eu sou a pessoa "menos dedo verde" que conheço :( Minhas plantas só resistem se estiverem na água, literalmente! É o meu máximo.

Algumas jibóias com raiz num vasinho com água - sempre - é o máximo que consigo manter em casa, seja na cozinha ou no lavabo. Eu só sei cuidar de plantas na água. Horrível isso, não?

As plantas que tenho na minha varanda são tristes, desejam água e cuidado. Eu juro que coloco água, mas é só. Não mexo com terra, vasinhos ou adubos: não rola. Elas crescem à vontade. Eu deixo.

A grande alegria do mês  - de novo Agosto -  e que vem desde 2012 é essa Orquídea que ganhei de minha filha no meu aniversário há 2 anos atrás e por incrível que pareça e, apesar do meu "dedo verde negativo" a orquídea persiste, resiste e pela segunda vez floresce linda, em agosto, à gosto dela com certeza (rs rs ) e faz meu mês mais feliz. Olha só elas aí acima, lindas.

Minha fé no desconhecido é inabalável. As orquídeas me surpreendem a cada ano que passa. Eu sei com quanto amor me foram enviadas, e não deixo de me surpreender a cada florescer...

Obrigada filha, você faz meu Agosto continuar com gosto, com flores de Agosto.


Boa semana florida a todos !

beijos,


Tina

Alianças...




A LENDA DO USO DA ALIANÇA NO QUARTO DEDO.

"Sabe o motivo para se usar no quarto dedo? Então vamos lá...

Os polegares representam os pais. Os indicadores   representam teus irmãos e amigos.O dedo médio representa a você mesmo. O dedo anelar (quarto dedo) representa   o seu cônjuge. O dedo mindinho representa seus filhos.   Agora junte suas  mãos palma com palma, depois,   unir os dedos médios de forma que fiquem apontando a você mesmo, como na imagem….





Agora tente separar  de forma paralela seus polegares   (representam seus pais), você vai notar  que eles se     separam porque   seus pais  não estão destinados a viver com você   até o dia da sua morte. Agora volte a unir os dedos novamente...tente separar igualmente os dedos indicadores (representam seus  irmãos e amigos),  você vai notar  que também  se separam   porque eles se vão   e tem destinos diferentes, como casarem e ter seus próprios filhos.

Tente agora separar da mesma forma os dedos mindinhos...estes também se abrem porque seus filhos crescem e quando já não precisam mais de nós ele vão. Volte a unir os dedos novamente...

Finalmente...tente separar seus dedos anelares (o quarto dedo que representa seu cônjuge) e você vai se  surpreender ao ver que  simplesmente  não consegue separá-los.    Isto se deve ao fato  de que um casal está destinado a estar  unido até o último  dia da sua vida, e é por isso que o   anel se usa neste dedo."

Coisas da Net, que a gente não sabe  origem e nem o autor. Acreditar depende de cada um.

Boa semana a todos.

beijos,

Tina

Monday, August 04, 2014

Receita do pai.

Monday, August 04, 2014 0
"Quanto mais vivo, mais me convenço que
 o que era bom para os nossos pais não o é para nós."
Oscar Wilde (1854 - 1900)

Nem sempre Mr. Wilde, nem sempre... meu pai adorava pudim. Seu preferido era Pudim de Pão e eu vou homenageá-lo nesta Semana dos Pais com esta receita que divido com prazer.


É prática e super fácil, eu já fiz diversas vezes e sempre deu certo. E o melhor: é feita no microondas!

Anote aí:


"PUDIM DE PÃO EXPRESS"

- 3 pãezinhos amanhecidos

- 3 ovos inteiros

- 1 lata de leite condensado

- 2 colheres de sopa de coco ralado

- 2 xícaras de leite quente

Para a calda:

- 1 xícara de chá de açúcar

- 1/2 xícara de água

Modo de fazer:

Esquente bem o leite e jogue por cima dos pãezinhos já picados em pedaços pequenos. Coloque no liquidificador juntamente com os ovos, o leite condensado e o coco ralado. Bata bem.

Enquanto isso, misture o açúcar e a água dentro de uma forma refratária e leve ao microondas para fazer  uma calda – mais ou menos 7 minutos.   Depois da calda pronta, espalhe  bem pela  forma  e coloque a mistura do pudim.

Leve ao microondas por 12 minutos na potência alta e faça o teste do palito (sempre dá certo).    E desenforme somente depois de esfriar.  Buon Appetito !

Que tal surpreender seu pai ou seu avô com um pudim desse? Vai lá: arrisca, tenta pois além de ser fácil, fica bom demais.

Saudade sem fim, pai...


Boa semana a todos!

beijos,

Tina
 
luzdeluma st © Code is Pocket