Monday, July 25, 2016

Divagando.

Monday, July 25, 2016 0
Amor de sempre.(Imagem da Net)



“Já escondi um AMOR com medo de perdê-lo, já perdi um AMOR por escondê-lo. Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos. Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos. Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram. Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi. Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir. Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam. Já tive crises de riso quando não podia.

Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse. Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar. Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros. Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros. Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz. 

Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais. Já chamei pessoas próximas de "amigo" e descobri que não eram... Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim. Não me deem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre. Não me mostre o que esperam de mim, não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser ."

(Texto de Clarice Lispector)



Eu não preciso escrever mais nada aqui. Só. Choro. Só.


beijos,

Tina

Monday, July 18, 2016

O guarda-chuva!

Monday, July 18, 2016 1
Imagem da Net


E isso aconteceu comigo ! Não vou citar nomes, só vou relatar o ocorrido. Vamos lá:

- No fim dos anos 70 eu trabalhava em uma ótima empresa, muitos amigos, muita gente, coisa boa de viver, de verdade. Gosto de lembrar que o presidente, meu chefe  e "dono da empresa" me chamava de "andarilha" pois volta e meia eu estava fora da minha mesa ! rs

- Como sempre, no fim do ano fizemos um "Amigo Secreto"  (Amigo Oculto para os cariocas) e até aí tudo bem. No dia da entrega / festa de Natal da empresa, estávamos todos ainda no escritório e eu, "andarilha" como sempre, desci até a recepção e falei com a minha amiguinha linda que era recepcionista e vi vários presentes lindamente embrulhados atrás da mesa dela.

- " Nossa! Esses são todos os presentes da nossa festa de Amigo Secreto ? " perguntei .

-  "Ela responde: Sim! Estão todos aqui !" E eu vi um guarda-chuva no meio dos presentes, não dava para disfarçar, lógico !

Flowers by Tina - London

- " E aquele guarda-chuva, quem vai ganhar , você sabe? Eu odiaria ganhar um guarda-chuva de amigo secreto, sério mesmo !"

- "Ela me olhou com surpresa e não conseguiu deixar de dizer: " Acho que o guarda-chuva é do seu amigo secreto para você ! " 

- " Não acredito, respondi! Como pode alguém dar um guarda-chuva de presente de Natal para uma moça de 24 anos? Se você tiver chance, fala com a pessoa e pede para mudar meu presente, tem chance? " 

- Deu certo! Ganhei um guarda-chuva e um par de lenços lindos ! Menos mal. Ela conseguiu !

Tem coisas que a gente não imagina que vai passar, mas elas acontecem. Eu descobri a tempo, felizmente para mim.  Deu certo ! Salvei meu Natal e o do meu Amigo Secreto  também! rs

PS: Eu ainda não sabia do que estava porvir nesta mesma empresa para mim: um dia eu conto. Caixinha de surpresa sempre nos aguarda. :(

Boa semana para vocês.

beijos,

Tina

Monday, July 11, 2016

Mão do destino ?

Monday, July 11, 2016 0
Imagem da Net
Aconteceu há muito, muito tempo atrás. Aconteceu e eu estava lá como testemunha.

Éramos seis amigas sentadas numa mesa de um restaurante muito gostoso, numa  sexta feira para comemorar o aniversário de uma delas. Detalhe: todas solteiras e apenas 1 casada. Até aí tudo bem.

E nós comemoramos, bebemos, cantamos e dançamos. E nem nos demos conta de que havia uma pessoa sentada no bar que olhava insistentemente para alguém na nossa mesa.

E adivinhem para quem a pessoa olhava? Olhava e "queria" a única pessoa que era casada naquela mesa! Trocaram olhares. Todas percebemos.  E ficou por aí.

Eu nunca poderia imaginar algo assim acontecendo comigo. Minha amiga ficou sem "fala". 

Por que é que as coisas sempre acontecem ao contrário ? Não entendo, aceito. Rejeito. Mas acontece.


Até onde eu sei, nada rolou, mas sempre penso "por quê " ? Até onde a mão do destino interfere em coisas assim?  Como uma pessoa "escolhe"  outra que não pode ter ? Sem saber. Para viver ? Só sei que eles dois se viram, e decidiram seguir com suas vidas. Destino ?

Coisa boa para pensar, resolver ? Sei não. Vida. Achei que era amor.


Boa semana a todos.


beijos,

Tina

Monday, July 04, 2016

Longe de casa há mais de uma semana...

Monday, July 04, 2016 2
Imagem da Net


Eu sei que essa é uma música do Evandro Mesquita, muito boa e retrata bem como me sinto. rs rs

Estou longe de casa e perto de casa ao mesmo tempo, afinal são somente uns 20 Km , mas ir e voltar todo dia não resolve. Preciso estar perto das minhas "princesinhas" - agora são 2 !!!

There´s nothing like home, trust me . I really don´t know how long I´ll have to take it, don´t know how long it´s going to last. I`m so sad, just surviving. No more joy. Give up ? No. (not yet).

Not so sure... Imagem da Net.



 " Combati o bom combate, guardei a fé." 
(2a carta de São Paulo a Timóteo)


Se estivesse na América do Norte, estaria eu soltando fogos pelo 4th of July ? Sei não.




Boa semana a todos.

beijos,


Tina
 
luzdeluma st © Code is Pocket