Friday, February 29, 2008

Pra pensar

Friday, February 29, 2008 19

"Para quem não sabe, o autor de "Gostava tanto de você", Edson Trindade, não escreveu esta música por causa de uma namorada que o tinha abandonado, mas sim, para a filha dele que havia falecido em um acidente.

Talvez essa letra seja um bom motivo para você começar caçar borboletas, dançar, brincar, sorrir, namorar, beijar, nadar, andar de bicicleta, soltar pipa, etc.

Releia a letra da música pensando no seu verdadeiro significado.

Gostava Tanto de Você

Não sei por que você se foi
Quantas saudades eu senti
E de tristezas vou viver
E aquele adeus não pude dar
Você marcou a minha vida
Viveu morreu na minha história
Chego a ter medo do futuro
E da solidão que em minha porta bate
E eu gostava tanto de você...
Gostava tanto de você...
Eu corro e fujo destas sombras
Em sonhos vejo esse passado
E na parede do meu quarto
Ainda está o seu retrato
Não quero ver para não lembrar
Pensei até em me mudar
Lugar qualquer que não exista
O pensamento em você
E eu gostava tanto de você...
Gostava tanto de você...

O que podemos refletir sobre isso? Aproveite cada momento da sua vida ao máximo, passe o maior tempo possível com as pessoas que você ama (família, amigos e amores) e torne estes momentos inesquecíveis. Pode ser a última vez que vocês estejam juntos.

A cada dia que se passa, se fortalece a idéia de que é importante aproveitar cada dia, cada
minuto de nossa vida, como se fosse o último, porque ele realmente pode ser. Não devemos dar muita importância ao que os outros vão pensar ou falar... o que importa é sermos realmente felizes, não importando o quanto você possa parecer bobo ou errado, frente aos olhos de quem nunca vai saber o que realmente se passa em sua mente ou no seu coração."

Recebi por e-mail e desconheço a autoria, mas achei que valia postar, pensar um pouco já que eu mesma desconhecia essa explicação para a letra desta música linda - tristemente linda.

Colocar em prática os dizeres acima é idéia melhor ainda para o fim de semana, não?

beijos e bons momentos a todos,

Tina

Wednesday, February 27, 2008

366

Wednesday, February 27, 2008 16

Por que precisamos do ano bissexto?

- O calendário gregoriano, que é o padrão calendário padrão utilizado em todo o mundo, tem tanto anos comuns quanto anos bissestos . Um ano comum ano tem 365 dias e um ano bissexto com os extras, tem 366 dias, dia designado como 29 fevereiro.

Um ano bissexto ocorre a cada quatro anos, para ajudar a sincronizar o ano-calendário convencional com o ano solar, ou a duração do tempo que a Terra leva para completar sua órbita sobre o sol, que é de cerca de 365 dias. O comprimento do ano solar, no entanto, é ligeiramente inferior a 365 1/4 dias - cerca de 11 minutos. Para compensar esta discrepância, o ano bissexto é omitido três vezes em cada quatrocentos anos. Em outras palavras, um ano de final de século (ou de começo como preferem alguns) não pode ser um ano bissexto, a menos que seja divisível por 400. Assim sendo, 1700, 1800, e 1900 não foram anos bissextos, mas 1600, 2000, e 2400 são anos bissextos.

Sabe quais são as chances de se nascer num ano bissexto?
- Cerca de 1 em 1500.

Quando começaram os anos bissextos ?

- O calendário gregoriano é estreitamente baseado no calendário juliano, que foi introduzido por Júlio César em 45 aC. O calendário juliano apresentava 12 meses, de 365 dias , com um dia intercalado no final de fevereiro, inserido cada quatro para fazer uma média anual de 365,25 dias. Mas como o comprimento do ano solar é realmente de 365,242216 dias, o ano juliano ficou muito longo (.0078 por dia ou seja: 11 minutos 14 segundos).

Isso pode não parecer muito, mas ao longo de séculos se somados até no 16 século, o equinócio estava caindo em torno de 11 de Março, em vez de 21 de Março.

Em 1582, para corrigir o atraso acumulado, o Papa Gregório XIII implantou o calendário gregoriano. Definiu-se que o ajuste deveria ser feito de forma que o equinócio de março caísse no dia 21 daquele mês, o que estava em conformidade com o primeiro Concílio de Nicea (325 d.C). A verdade é que essa definição para o equinócio de março tem ligação direta com a vontade da igreja católica em definir a comemoração da Páscoa cristã em data diferente da Páscoa judaica (Pesach).

Entre 325 e 1582 passaram-se 1257 anos. Como no sistema juliano a cada 128 anos haveria a necessidade retirar 1 dia do calendário, acumularam-se, depois de 1257 anos, aproximadamente 10 dias (9,82 dias). Portanto, em 1582, na transição entre os juliano e o gregoriano, o dia 4 de outubro foi seguido pelo dia 15 de outubro. Os 10 dias entre eles foram retirados do calendário.

Estabeleceu-se para o calendário gregoriano que seriam bissextos todos os anos múltiplos de 4, exceto se, sendo um ano múltiplo de 100 (1600, 1700 (...)), não fosse também múltiplo de 400 (1700 por exemplo). Na prática isso significa que há 97 anos bissextos a cada 400 anos.

Fonte (trecho adaptado e traduzido by Tina)

Eu particularmente, não sou muito fã de ano bissexto de uns tempos para cá, mas por razões estritamente pessoais, o que não é motivo para fazer dele um ano sabático para mim.

Então vamos lá viver e aproveitar ao máximo esse dia extra, outro desse só daqui a 4 anos...

beijos e boa 4 feira,

Tina

Monday, February 25, 2008

A - Z

Monday, February 25, 2008 17


Todos somos sujeitos à mudanças, chuvas, ventos, tempestades, dias, humores, dissabores, falta, excesso, amores, desejo, saudade, dores, alegria, recesso, e por aí a fora... E acontece que eu também o sou. Por isso o post de hoje é só (ou seria TUDO?) isso - whatever - é uma pequena mostra de mim, dos meus desejos, dos meus medos, das minhas alegrias, de tudo que consegui expressar em apenas uma palavra / verbo / substantivo, do A ao Z.




A= Amor

B= Beber / Barry Manilow

C= Casa

D= Desejo

E= Eternidade

F= Filhos

G= Gorda

H= Hoje

I= Independente

J= Jogar

K= Know it all

L= Ler

M= Mulher

N= Neto

O= Outra vez - sempre

P= Pai

Q= Quero mais

R= Reviver

S= Só

T= Teimar = Tina

U= Uma vez é pouco

V= Viajar

X= Escolher sempre

W= What´s next?

Y= Yes ......

Z= zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

Então é isso o que acontece quando a gente volta e continua perdida em matéria de postar, mas acredito que boas idéias acontecerão (ou não) e eu ? Eu sou muito mais do que uma palavra , substantivo ou verbo depois de uma letra, tenham certeza. Faltaria espaço no post...E gente para querer saber, naturalmente...(rs)

Desejo a todos uma ótima semana.

beijos,

Tina

Friday, February 22, 2008

Divagando

Friday, February 22, 2008 9

"Em todos os vocábulos não deve haver nenhum tão comovente quanto a palavra saudade. Ela traduz a lástima da ausência,

a tristeza das separações,

toda a escala de privação de entes ou objetos amados...

é a mensagem que se envia aos parentes, aos amigos.

É o sentimento que o exilado tem pela pátria, o marinheiro pela família,

os namorados um pelo outro, quando apenas separam-se.

Saudade sentimos da nossa casa, dos nossos livros,

dos nossos amigos, da nossa infância, dos dias idos..."
(Joaquim Nabuco - 1849-1910)

Saudade sentimos das pessoas que amamos e que ao nosso lado não estão. E falar de saudade não existe a meu ver. O que existe é o sentir, é o viver a vida com a saudade. É também deixar que ela (a saudade) se decomponha, se ausente com o passar do tempo - aquele básico tempo que a espera nos impõe, aquele tempo de ansiedade, prenúncio de mais uma vez matar a saudade, aquele tempo de espera para de novo sentir saudade.

E nesse meio-tempo esquisito eu insisto, resisto... Isso é coisa que dá e passa, com certeza.

beijos e bom fim de semana,

Tina

Wednesday, February 20, 2008

Você sabia?

Wednesday, February 20, 2008 14
Photo by Glass House



Hoje à noite vai haver um eclipse lunar que vai começar às 21h37min, quando o disco lunar começar a imergir na penumbra da Terra. Um minuto após a meia-noite, o disco lunar mergulhará por completo no cone de sombra terrestre, tendo início o eclipse total. Aos 26 minutos do dia 21, acontecerá o auge do evento, ficando a lua totalmente eclipsada e alinhada com a Terra e o Sol.

A uma altura de 49° acima do horizonte Norte, na constelação de Leão e próxima do planeta Saturno, a Lua, com o tom avermelhado do eclipse, será realmente a rainha da noite, e poderá ser apreciada em todo o Hemisfério Sul. Aos 51 minutos do dia 21, o disco lunar começará a emergir do cone de sombra terrestre, encerrando a fase da totalidade, que terá uma duração de 50min. Tempo suficiente para que os observadores contemplem um dos mais belos eventos astronômicos. As fases finais do eclipse podem ser acompanhadas até às 03h16min da madrugada, contando para isto com um céu limpo e condições atmosféricas adequadas.

Você sabia ?

"O navegador Cristóvão Colombo foi dos primeiros a usar eclipses lunares para medir longitude. Colombo em sua quarta viagem à América impôs respeito e medo aos índios jamaicanos, ao invocar um sinal de Deus para garantir um acordo de suprimento de víveres durante sua estada para reparos de sua nau na ilha. Os nativos se recusavam a cumprir o acordo devido aos constantes roubos e estupros efetuados por membros de sua tripulação, além da arrogância do capitão.

Consta que conhecedor do registro de um eclipse providencial que aconteceu no dia 29 de fevereiro de 1504, ele teria convocado as lideranças locais, três dias antes, anunciando um sinal divino contra o bloqueio de víveres imposto pelos nativos, e retirou-se para seus aposentos de forma 'dramática'. Durante este eclipse os nativos recuaram trazendo oferendas e restabelecendo o acordo. Este episódio salvou sua expedição que pode aguardar socorro vindo da Espanha.

Por outro lado, na primeira guerra mundial o Império Turco-Otomano era aliado dos alemães contra os franceses, ingleses e aliados. Quando os árabes se rebelaram contra o Império Turco, em 1916, os aliados viram uma chance de modificar o equilíbrio de forças no oriente médio que no momento pendia favoravelmente para a aliança turco-germânica. A Inglaterra então, enviou como oficial de ligação junto as forças árabes, um ex-assistente de escavação arqueológica no Iraque chamado Thomas Edward Lawrence, que ficou conhecido como Lawrence da Arábia.

Lawrence desembarcou na cidade de Meca na qualidade de assessor militar e percebeu que somente ações extensas de guerrilha no deserto poderiam ter efeito sobre o poderio militar turco na região. Seu grande triunfo aconteceu quando, junto a 50 beduínos, atravessou o deserto no pico do verão e, iludindo as patrulhas turcas, atacaram o porto de Aqba. No caminho angariaram aliados, próximo ao posto fortificado de Kethira alguns destes aliados ficaram contrários a um ataque noturno, invocando inclusive a lua cheia como obstáculo para a tomada do importante posto.

Lawrence relata em seu diário que os aconselhou a fazerem o ataque no escuro, pois naquela noite de 04 de julho de 1917 ele sabia que haveria um eclipse lunar. Logo depois o segundo posto foi tomado pelos árabes e passados alguns dias Aqba se entregou praticamente sem luta. Jerusalém e Damasco caíram a seguir sob o domínio britânico, selando o destino da guerra no Oriente Médio."

( Texto: Túlio Jorge dos Santos - UFMG - adaptado)

Até a lua vai se esconder, acho que ela está sendo solidária com a "Tina Blue Moon" nestes dias. Mas, da mesma forma que o eclipse, a saudade que toma conta de mim também vai passar. E dias melhores virão, com certeza.

beijos e boa 4 feira.

Tina

Monday, February 18, 2008

Segunda...

Monday, February 18, 2008 20
Segunda: feira.

Segunda: mão.

Segunda: ida.

Segunda: não.


Eles se vão. Eu não.


E a vida continua.



Na contramão.


Só eu fico.

Só.


beijos,

Tina

Thursday, February 14, 2008

Inocente

Thursday, February 14, 2008 18
" É linda a crianca, que com seu doce sorriso credita

sua boa fé, acreditando no melhor de cada ser,

sua voz , mesmo pequena, que tudo quer dizer,

oferecendo por todos os lados a inocente alma à vida..."

Victor Hugo (1802 - 1885)



Foto by D. Sharon Pruitt

A foto acima diz / mostra o que não queremos ver numa criança: dor, medo, abuso, insegurança . A inocência deles deve ser preservada por todos nós, vigiada e cuidada como jóia rara, como vida cara. Pronta para viver e fazer um mundo melhor.

Este post faz parte da blogagem coletiva chamada pela Luma a quem parabenizo pela iniciativa.

beijos,

Tina

Friday, February 08, 2008

Luz da Lua

Friday, February 08, 2008 21

Solar Eclipse
Originally uploaded by troyarkley.
Olá amigos!


Só para não dizer que não falei de cores, luas e flores, passo por aqui para deixar essa maravilhosa lua azul ( que não é uma blue moon - rs) mas a intenção é tão somente clarear e mudar um pouco a paisagem cinza que anda dominando a Região Sudeste.

Vou curtir mais uma semana com meu "mais-lindinho-amado-netinho-querido" e volto no fim da semana que vem com força total, para colocar em dia as visitas e retomar o ritmo.

Desejo a todos um ótimo fim de semana, com bastante alegria e quem sabe um pouquinho de sol de quebra - para o dia nascer mais feliz..

beijos e até lá,

Tina

Friday, February 01, 2008

É Carnaval !

Friday, February 01, 2008 16

Vocês sabem que eu gosto de buscar origens, citar grandes autores e de contar histórias - acho que está no sangue... E já que a época pede, vejamos:


A ORIGEM DO CARNAVAL


"Relata-se que há dez mil anos antes de Cristo, homens, mulheres e crianças se reuniam no verão com os rostos mascarados e os corpos pintados para espantar os demônios da má colheita. As origens do carnaval têm sido buscadas nas mais antigas celebrações da humanidade, tais como as Festas Egípcias que homenageavam a deusa Isis e ao Touro Apis. Os gregos festejavam com grandiosidade nas Festas Lupercais e Saturnais a celebração da volta da primavera, que simbolizava o Renascer da Natureza. Mas num ponto todos concordavam, as grandes festas, como o carnaval, estão associadas a fenômenos astronômicos e a ciclos naturais. Em países como Itália e França, o carnaval ocorria em formas de desfiles urbanos, onde os carnavalescos usavam máscaras e fantasias. Personagens como a colombina, o pierrô e o Rei Momo também foram incorporados ao carnaval brasileiro, embora sejam de origem européia.

No Brasil por volta do século XVII teve sua origem no entrudo português, onde, no passado, as pessoas jogavam uma nas outras, água, ovos e farinha. O entrudo acontecia num período anterior a quaresma e, portanto, tinha um significado ligado à liberdade. Este sentido permanece até os dias de hoje no Carnaval.

E no final do século XIX, começam a aparecer os primeiros blocos carnavalescos, cordões e os famosos "corsos". Estes últimos, tornaram-se mais populares no começo dos séculos XX. As pessoas se fantasiavam, decoravam seus carros e, em grupos, desfilavam pelas ruas das cidades. Está ai a origem dos carros alegóricos, típicos das escolas de samba atuais.

No século XX, o carnaval foi crescendo e tornando-se cada vez mais uma festa popular. Esse crescimento ocorreu com a ajuda das marchinhas carnavalescas. As músicas deixavam o carnaval cada vez mais animado (na época faziam a diferença - mas perderam muito de sua função com o passar do tempo.)

A primeira escola de samba surgiu no Rio de Janeiro e chamava-se Deixa Falar. "
Fonte - (trecho adaptado)

E daqui para frente, eu deixo por conta de vocês, pois afinal - é Carnaval ! E eu sou Portela.

Eu não participo - nem quando morava no Rio de Janeiro - mas tem quem goste, tem mesmo. Respeito. O brasileiro precisa de circo, o pao anda meio dificil.

Espero que aproveitem, curtam, descansem, saboreiem e principalmente - vivam! Eu vou aproveitar o tempo querido - e isso já é sabido. E como vou !!!

Desejo aos amigos alegrias que durem tempo infinito, mesmo quando o carnaval passar.

E depois ?

Ah.... depois a gente se encontra, se sabe, se fala, se lê. E a vida continua.


beijos,

Tina
 
luzdeluma st © Code is Pocket