Wednesday, November 28, 2007

Língua x Adjetivo

Wednesday, November 28, 2007


" A língua é uma razão humana que tem suas razões,
e que o homem não conhece." Lévi-Strauss


E ele tem toda razão ao fazer esta afirmação, independente do idioma que se fala.

O Português (como um todo) é uma língua linda, rica e difícil com certeza, e eu falo isso como professora de Inglês que sou: o Português é difícil mesmo! O Inglês por exemplo, tem bem menos tempos verbais, facilita mais a comunicação num sentido amplo, mas fica devendo quando o quesito é diminutivo, aumentativo e de quebra, os adjetivos (são comum de dois...)rs

Ufa! cheguei onde queria - adjetivos - afinal eu não passei por aqui hoje para dar aula - longe disso. (rs)

Vocês já repararam que os adjetivos em Português têm idade ? Tenho certeza que sim, mas vou reavivar-lhes a memória:


- Quando se é criança ou ainda bem jovem, o adjetivo vem acompanhado do "inho / inha" : fofinho, lindinho, gracinha, e por aí vai... ( e o Inglês nunca vai conseguir imitar ou copiar).

- Quando se atinge a boa idade (leia-se algo entre 18 e 38 anos), o adjetivo vem sem acompanhamento, é direto! - linda, gostoso, gata, maravilha, beleza, e mais um monte! mas...

- Quando a melhor idade (nova denominação para mais idade) começa a se apresentar... aí a coisa muda. O adjetivo vem acompanhado do interminável "grande - aumentativo" - terminação (ou seria tempo de produção?) senão vejamos as frases / adjetivos mais ouvidas nesta fase e, que independe do sexo:

  • Você? Tá inteirona!
  • Richard Gere ainda é um gatão.
  • Bonitona ainda, tia...
  • Ele? Inteiraço, acredita?
  • A Vera Fisher é gostosona!

E "interessante" - é adjetivo qualificativo? O que dizer então de pseudo-adjetivos como " ajeitada" ? "bonitinha"? ou "bem acabada"? Vale o exterior ou o interior de quem tem mais de 20 ? Dúvidas garantidas que por sua vez são incertezas. E lá vem o Português novamente, rico e cheio de nuances. E a vida com suas fases.

E por aí vai... só rindo, mas é verdade patente: os adjetivos com o passar do tempo, elevam a gente. Só não me perguntem a que categoria, mas que é verdade, isso é. E aqui entre nós: se eles (os adjetivos) ainda existem é prova que estamos vivos. Melhor assim.

Cada idade tem seus prazeres, seu espírito e seus costumes. E seus adjetivos, naturalmente.

beijos e boa 4 feira a todos.

Tina

21 comments:

  1. Pois é, Tina! Bem observado. Aliás, o português é uma língua tão cheia de sonhos, que inventaram essa história de "melhor idade"... ;)

    ReplyDelete
  2. Tina, só inglês? Nunca pensou em ensinar português também? deveria, acredite!...

    ReplyDelete
  3. junior8:20 AM

    Tina querida, adorei o "ajeitada", rss
    Bom, eu trabalhava diretamente como o presidente duma empresa alemã no brasil, só que o cara era suíço aprendendo português. A certa altura ele mandou um: "Eu achei essa sua idéia muito sexy!" ahaha. Você pode imaginar de onde ele tirou isso não é? Dia antes ele tinha perguntado pra secretaria dele, porque os homens chamavam as mulheres de boas e ela explicou que era quando eles queriam dizer que elas eram sexy, imagina a confusão na cabeça do gringo. rsss
    Beijos querida.

    ReplyDelete
  4. Muito bem pensado! O melhor é ser apenas feliz, pois para a felicIDADE não importa a idade que temos!
    Beijos

    ReplyDelete
  5. To rindo até agora,TINA.
    lembnrei-me que,outro dia,um rapaz me disse : "Vc está inteiraço ! ", rssssss

    Foi um eleogio???

    Beijos!!

    ReplyDelete
  6. Foi mesmo uma rica aula de português querida amiaga, bem precisamos...


    Boa semana


    Doce beijo

    ReplyDelete
  7. acha mesmo que acima de 38 é a melhor idade?

    ReplyDelete
  8. rsssssssss.....

    Muito interessante e divertida essa sua explicação.
    Menina, e você tem inteira razão

    beijos

    ReplyDelete
  9. Serå qual adjetivo me define.???

    ReplyDelete
  10. Cada idade tem o seu prazer e a sua dor e é preciso deixar que elas escorram por entre nós.
    Victor Hugo

    Eu acho que só depende da gente esse apreciar da idade. Tem gente que tem neura com essas coisas. "estou envelhecendo" como se isso só acontecesse com um ou com outro. Mas acontece com todos. A diferença está em como se age com isso.
    Adorei seu post.Beijos

    ReplyDelete
  11. Hahahah! Adorei.
    É assim meeesmo.

    ReplyDelete
  12. Menina vc acredita q nunca tinha reparado nisso sobre os adjetivos?
    Big Beijos

    ReplyDelete
  13. Estou rindo do comentário do Júnior!
    Tina, você me meteu em uma problemática! Devo estar com algum problemão! Que eu tenho mania de dizer tudo inho. Será que não passei da fase?
    Beijus

    ReplyDelete
  14. Pois então, nossa língua nossa gente e muita confusão...
    Ajeitada? Cada dia que passa ao me verem dizem: Nossa muié, mas tu tá um avião, nem parece que é avó de um montão, kkkkkk
    Coisas de gente sem noção, né não? ;-)
    dias lindos Tinavózinha querida
    beijos
    *vou mandar o e-mail com endereço direitinho, tá? mais beijos

    ReplyDelete
  15. Menina Luma e Menina Clarinha:

    "Nada é melhor que a idade minha" - NADA.

    E vocês são LINDAS! Ooops! Nem lindonas e nem lindinhas = só LINDAS! (no maiúsculo, e o Português permite....rs)

    beijo minhas queridas,

    ReplyDelete
  16. melhor idade é a que a gente está... desde a infância.

    ótima aula, kirida

    beijos

    ReplyDelete
  17. Sabe que eu tenho medo de nunca ouvir que to inteiraça kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Agora, eu nunca consegui aprender ingles, e isso que já fiz trocentos cursos, dificuldade da porra com essa lingua!

    Beijos

    ReplyDelete
  18. Mas o que dói é o " ainda".

    ReplyDelete
  19. Olha que coisa engraçada... nunca tinha parado pra pensar nisso!
    E é a mais pura verdade!
    Mas tirando todos esses adjetivos, o que me deixou mal foi quando me chamaram de tia pela primeira vez! E não foi minha sobrinha... foi um menino pedido pra furar a fila na minha frente! hahaha
    Beijocas

    ReplyDelete
  20. Ólá!
    É verdade, também nos adjectivos temos que andar com os tempos.
    Se não vejamos:
    Este pau é alto. Correto.
    Este alto pau. HUM!
    Um adjectivo antes de um sbstantivo? Já é muito feio. Pois é, mas a verdade é que isto acontece e todos nós percebemos e nem sequer estamos a reparar se está bem ou mal escrito.
    Foi muito bom ter encontrado este teu texto. É muito importante e, embora não pareça, muito profundo.
    Claro, que nem todos o entenderão como eu, mas para mim, muito sinceramente, é muito bom.
    Parabéns.

    ReplyDelete
  21. Você falou bem. Cada idade tem seu prazer.Mas eu vim falar de outra coisa: os nossos blogs têm algo em comum, o seu é Blue Moon e o meu é No mundo da Lua. Parabéns pelo Blog.
    Beijos.

    ReplyDelete

Obrigada pela sua visita!

 
luzdeluma st © Code is Pocket