Friday, October 31, 2008

De amor e bruxas...

Friday, October 31, 2008

Dia das Bruxas... dia em que nasceu poeta maior: Drummond, que certa vez escreveu isso:

"Nesta cidade do Rio, de dois milhões de habitantes,estou sozinho no quarto,
estou sozinho na América. Estarei mesmo sozinho?
Ainda há pouco um ruído anunciou vida ao meu lado.

Certo não é vida humana, mas é vida.
E sinto a bruxa presa na zona de luz.

De dois milhões de habitantes! E nem precisava tanto..."

Precisa mais? Quando se trata de: mentes brilhantes, de seres iluminados , de corações, e amores amantes...? Com certeza: sempre queremos mais.

Na verdade, precisava um pouco mais, faz falta. Falta Drummond, que sabia de amor, de bruxas... e de muito, muito mais.

Para celebrar e/ou brindar o dia do nascimento de Drummond, entre lindas tantas, escolhi essa:


"Amar o perdido

deixa confundido este coração.

Nada pode o olvido

contra o sem sentido apelo do Não.

As coisas tangíveis tornam-se insensíveis

à palma da mão

Mas as coisas findas

muito mais que lindas,

essas ficarão..."


Qualquer coisa que eu diga ficará perdida e quase sem sentido... afinal aí acima, está Drummond.

Post que merece ser repetido, seja quando for.


beijos e boa semana a todos.


Tina

22 comments:

  1. Bom dia Tina!
    Entao hoje é o dia do nascimento de Drummond?
    Bem lembrado.

    Desde 2005, no Brasil, hoje é tambem dia do Saci. Entao viva o Saci Perere verde amarelo de gorro vermelho e cachimbo…rs

    Bjs

    Meire

    ReplyDelete
  2. Tina Querida!!!
    Drummond é demais :) Programei postagem em homenagem a ele tb !!
    Beijos querida, bom final de semana

    ReplyDelete
  3. Bonita homenagem,TINA. Drummond transcende todos os assuntos.

    Beijos!!

    ReplyDelete
  4. Lindo demais, Tina!
    Uma maravilha esse poeta da gente e fico num baita orgulho dele ser nosso Drummond.

    Beijo e bom final de semana pra você também!

    ReplyDelete
  5. Então, parabéns ao Drummond, que é o cara. rsss
    E parabéns as bruxas tb, consegui provas de que elas existem. rss
    Beijos querida Tina, e um ótimo final de semana pra ti

    ReplyDelete
  6. sem comentários... :-)

    ReplyDelete
  7. Tina, estupendo!!!

    Parabéns!

    Bom fim de semana

    ReplyDelete
  8. Excelente homenagem Tina.
    Big Beijos e bom dia das bruxas!

    ReplyDelete
  9. Olá minha amiga
    tudo bem com vc
    estou de volta aos blogs
    depois de um recesso forçado
    legal os textos do Drummond
    tenha um lindo final de semana
    beijos

    ReplyDelete
  10. Me perdi entre Drummond e Tinavózinha, até esqueci das bruxas que yo no las creo pero que hay, hay.

    Lindo final de semana amadamiga
    beijos de loviú

    ReplyDelete
  11. "A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade."
    Não consigo dizer em homenagem a ele nada mais do que suas próprias palavras.

    ReplyDelete
  12. Complicado amar o perdido, deixando machuca e mais do que confudido o coração!
    =/

    Beijos

    ReplyDelete
  13. Essa poesia que vc postou é a minha preferida dele.
    Tina obrigada por me receber com tanto carinho na minha volta, adorei seu coment por lá.
    Bjos e linda semana!

    ReplyDelete
  14. AIII q lindooo Drummond é ótimooo p ler, pensar refletir né?!?
    Bjokas
    Bom Domingo

    ReplyDelete
  15. Muito legal, Tina. Adoro esse dia pela comemoração dos EUA - acho lindo e bacana o que eles fazem por lá.

    Não se fazem mais Drummonds como antigamente. hehe.

    Beijos! Ótima semana.

    ReplyDelete
  16. Gosto imensamente de Drummond. E ele faz uma falta...!
    Acho mesmo que todas estas pessoas que usam a arte e o amor para expressão fazem falta!

    Beijocas
    Tenha um lindo domingo!
    www.lizziepohlmann.com

    ReplyDelete
  17. Semana de luz e muita alegria procê minha amada.
    carinho e beijos de loviú
    .
    .
    td bem aí? ;)

    ReplyDelete
  18. Uma vez estava em Sta. Bárbara (California), visitando amigos, bem em Halloween. Quer saber? O povo de lá leva tudo "à sério", enfeiam as casas, aboboram o que podem e dão doces para as crianças que tocam a campainha.

    Eu não vejo a menor graça na coisa, mas o marketing deles é muito bom, Tina.

    ReplyDelete
  19. Obrigado pela aula. Não sabia qaue nascia no dia das "bruxinhas" um ser tão iluminado. Drummond... sempre Drummond!
    . Gostei do que você escreveu.
    Abçs,
    Ana

    ReplyDelete
  20. O eterno Drummond... e suas palavras que encantam...

    Bem lembrado (=

    Beijo dona moça e doce semana.

    :**

    ReplyDelete
  21. Viva Drummond! Que nasceu no Dia do Saci-Pererê! Carpe Diem.

    ReplyDelete
  22. Isso sim é mágico. Esse poeta com suas palavras "estranhas", seu olhar triste, sua alma sensível. Sua pele abstrata... Drummond em si é poesia até no nome. Abraços meus

    ReplyDelete

Obrigada pela sua visita!

 
luzdeluma st © Code is Pocket